Autores locais ganham força em eventos literários

GEDC4990 edit

Na expectativa da próxima Feira do Livro local, prevista para outubro, o atual patrono do evento, Luís Kalil, faz um resumo da edição mais recente:
– Autores locais – estiveram em evidência, inclusive lançando novos títulos na Feira. Kalil avalia que nesse caso, as vendas não representam uma procura pela literatura, mas são baseadas nos relacionamentos sociais, citando como exemplo:
*ele mesmo, que já lançou três livros em diferentes anos
*o jovem Davi Vasconcellos (filho da professora Stela, da Facos URCAMP)
*José Carlos Teixeira Giorgis, obras técnicos da área jurídica
*O Andarilho, de Rodrigo Tavares

Outros dados da Feira do Livro:
– mais de 15 mil volumes comercializados, representando crescimento em relação a anos anteriores
– predominância, na vendagem, de autores (“escritores” ou não) presentes na mídia: Santana, Scliar, Paulo Coelho, Luis Antônio Assis Brasil, Paulo Coelho, Alcyr Cheiuche
– consumo de clássicos devido a preços “de balaio” : Dom Quixote, de Cervantes; Analista de Bagé, de Veríssimo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s