Professor da USP defende uso didático das HQ

Valdomiro Vergueiro, livre docente da USP, divulgou seu livro “Quadrinhos na Educação” no último programa TVendo e Aprendendo, dedicado ao assunto, com a presença de um artista desenhando ao vivo. Vergueiro tem um observatório de HQs na ECA da USP e defende a qualidade literária e educativa dos mesmos, pauta recente também da revista Bravo.
Foram mostrados bastidores dos estúdios Maurício de Sousa, inclusive o processo de criação de uma história: desenhista usa grafite azul depois preto, letrista faz balões e texto, e arte-finalista passa nanquim ou usa o PC. Uma novidade é a versão adulta dos personagens clássicos da Turma da Mônica.
Outra convidada, a dubladora Mii Saki revelou que no Japão a história do país normalmente é conhecida no formato de quadrinhos. Explicou que para ser dublador tem que ser ator e especializar-se nessa área.
Uma outra reportagem mostrou o trabalho nos estúdios Herbert Richards, onde são feitas 70% das dublagens no Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s